Intenção de compra e redes sociais: sugestões para criar campanhas de Natal

Planejamento estratégico de mídiadezembro 4, 20198 Minutes

A Black Friday ocorreu na última sexta-feira e atingiu um faturamento recorde de 3,2 bilhões compras. Segundo a AppsFlyer, empresa líder global em atribuição e mensuração de dados mobile, 4,5 milhões das compras foram realizadas através de aplicativos, ultrapassando o volume de compras realizadas pelos americanos (3 milhões).

Com um mercado ainda aquecido, os anunciantes agora devem começar a se preparar para o Natal, onde é esperado um desempenho em vendas maior do que nos últimos 6 anos. O time de Planejamento da Publya preparou um resumo sobre a intenção de compra dos consumidores ao longo do feriado de final de ano e como aproveitar este período para criar campanhas de natal.

Intenção de compra para o Natal 2019

O Natal é tido como uma data especial tanto para confraternizar quanto para trocar presentes com familiares e amigos. Foi para entender a intenção de compra ao longo deste período, que a CNDL e o SPC realizaram uma pesquisa com consumidores das 27 capitais brasileiras que pretendem realizar compras. Veja abaixo os pontos altos da pesquisa.

Segundo a pesquisa Intenção de Compra para o Natal 2019, os entrevistados disseram que as principais pessoas para o qual eles irão comprar presentes são para as mães (48%), cônjuges (46%) e filho(s) (40%).

Outro ponto de destaque é que, em média, cada consumidor pretende comprar até 4 presentes no Natal. Sendo os critérios para a escolha: o preço (54%), ofertas e promoções (45%) e atendimento (24%).

Como um pré-requisito antes de efetuar qualquer tipo de compra, durante o feriado de natal, 80% dos consumidores irão procurar por opções de presentes via sites e aplicativos. Sendo os principais locais de compra, a internet (41%) e shoppings centers (37%).

Com cenários tão divididos, os anunciantes precisam ajustar as suas campanhas de natal para unir o melhor dos dois mundos: a conveniência da compra online com as vantagens da compra offline. Até porque, o Natal aparece como uma oportunidade para apresentar a marca e atrair um grande volume de consumidores interessados em encontrar a oferta adequada para o seu bolso.

Campanhas de Natal: sugestões para redes sociais

Voltando a atenção para os aplicativos e redes sociais, já não é novidade o crescimento exponencial de usuários. O brasileiro passa uma média de 8 a 12h por dia na internet, sendo mais de 70% desse período gasto nas redes sociais. Lembrando o case Black Friday, os consumidores adotaram o mobile como seu principal canal de compras e pesquisa de produtos, onde foi realizada uma média de 1000 compras/dia.

Por isso, durante eventos importantes como o Natal, as redes sociais são um ótimo recurso para aumentar o engajamento, estreitar o relacionamento com o cliente ou até mesmo atrair mais visitantes para uma loja física. Confira algumas dicas sobre como aproveitar as redes sociais durante o Natal:

Facebook e Instagram – os queridinhos da jornada de compra

Com 127 milhões de usuários brasileiros online no Facebook e 53 milhões no Instagram, ambos os aplicativos se consolidaram como os mais populares durante o processo de decisão de compra.

Um dos principais diferenciais para os anunciantes está nos formatos diversificados, permitindo apresentar produtos e serviços de forma simples e orientada a oferecer uma melhor experiência para o consumidor que ainda está pesquisando por opções.

Segundo dados da plataforma, 70% dos consumidores brasileiros utilizam ambos os apps na hora de procurar ofertas para presentes de natal. Veja como aproveitar os formatos oferecidos por ambas as plataforma:

  • 80% dos consumidores compartilham informações de compra no Facebook;
  • 93% dos consumidores prestam atenção nos anúncios que aparecem no Feed de Notícias;
  • 59% dos consumidores brasileiros utilizam o formato de Stories para buscar inspirações e ideias para presentes;
  • 47% dos consumidores ficam mais interessados em uma marca ou produto após vê-lo nos Stories;
  • 91% dos consumidores brasileiros realizam uma ação após ver informações sobre produtos no Instagram, como seguir uma marca, visitar o site ou realizar uma compra online;
  • 130 milhões de pessoas clicam em marcações de compras todos os meses;

Twitter – sua marca acontecendo!

O Twitter é outra rede social de destaque quando o assunto é engajamento com marcas, sendo o lugar perfeito para estimular conversas com o público e fortalecer o seu interesse pela marca.

  • 70% dos usuários estão interessados em ver mais marcas falando sobre o natal;
  • 83% dos usuários interagem, debatem e fazem perguntas para as marcas;
  • Anúncios relacionados ao “espírito natalino” possuem 28% mais performance do que os demais;
  • Anúncios que representam o “sentimento de felicidade que temos ao presentear alguém” transmitem inspiração para compra;

Ofereça experiência + relacionamento online e offline

Mesmo com o crescimento das compras online e via mobile, muitos consumidores prezam pelo mix experiência + relacionamento proporcionados pela visita a loja física. Por isso, é importante alinhar as campanhas de natal para que elas sejam complementares às estratégias da marca como um todo. Assim, é possível deixar os clientes mais satisfeitos e potencializar as vendas durante o feriado de natal.

Quer receber mais dicas sobre como construir uma estratégia de anúncios em redes sociais? Entre em contato com o time de especialistas da Publya.